Dicas para aumentar a durabilidade da sua empilhadeira

Todo gestor de frota tem o desafio de alongar o máximo possível a vida útil das empilhadeiras. Quanto mais trabalham, mais se desgastam. Porém geram mais valor para o negócio de movimentação de carga.

Por isso, a durabilidade da empilhadeira faz parte da estratégia da logística. Manter as máquinas sempre em dia traz ganhos econômicos e uma dinâmica maior no dia a dia de trabalho.

Confira neste artigo algumas dicas para aumentar a durabilidade das empilhadeiras e trazer ainda mais vantagens para o seu negócio.

1. Manutenção preventiva

Esta dica é clássica, tanto que já abordamos algumas vezes aqui no blog. Quanto mais você investe na prevenção, menos terá problema com a correção de problemas na sua frota de empilhadeiras. 

Isso vai além do checklist diário feito pelos operadores. Seguindo as regras do fabricante e substituindo as partes consumíveis, como velas e filtros, é possível minimizar os desgastes decorrentes do uso da empilhadeira. Naturalmente, a vida útil da máquina aumentará e o consumo de combustível ficará no menor nível, uma vez que a regulagem estará nos padrões recomendados. Isso representa economia no curto e no longo prazo.

2. Verificação da bateria

Em empilhadeiras elétricas, a bateria é um item crítico para a longevidade da máquina. Ela é uma fonte de energia que requer seus cuidados próprios, com verificação de níveis de fluídos e o respeito aos seus ciclos de carga e descarga. 

O ideal é criar um cronograma de carregamento da bateria de acordo com o uso da empilhadeira. O carregamento deve ser feito com o capô da empilhadeira aberto para que o calor se dissipe. É necessário estar sempre atento à temperatura, pois quando muito quente — a bateria ou o ambiente — pode causar danos aos componentes internos e comprometer sua durabilidade. Siga sempre as recomendações do fabricante.

3. Mão de obra especializada

Muitas vezes, de olho em uma possível economia, empresas contratam técnicos não especializados e certificados para efetuar a manutenção das empilhadeiras. Um erro grave. Essas máquinas possuem particularidades que precisam ser respeitadas, por isso precisam de pessoal qualificado e especialista para lidar com elas.

Profissionais devidamente treinados e qualificados representam a segurança necessária para que as empilhadeiras continuem trabalhando na sua melhor performance. Verifique sempre as garantias e as revisões periódicas com fabricantes e revendedores. 

4. Profissional Treinado

Na verdade, profissional bem treinado. Os operadores de empilhadeiras devem estar certificados por cursos e devem se manter sempre atualizados. Os modelos de empilhadeiras são diversos, com vários fatores tecnológicos que requerem atenção e competência. Essas máquinas também têm movimentos com toque sensível. Além disso, é fundamental que o operador esteja ciente das particularidades e limites de cada modelo de empilhadeira, respeitando sempre essas características. 

Observe que manter uma empilhadeira em um bom estado por mais tempo é uma decisão empresarial que deve ser considerada dentro das estratégias de logística. Isso evita desperdício de recursos financeiros e garante segurança para todos. Investir na durabilidade da empilhadeira é a melhor decisão que a empresa pode tomar para trazer vantagens sustentáveis ao negócio. 

Para ler mais artigos como esse, assine a nossa newsletter.